Morre aos 77 anos, dono da Menino Jesus de Praga

É com pesar que comunicamos o falecimento do Sr. José Everardo Neves da Silveira, proprietário da Menino Jesus de Praga. Sr. Everardo faleceu ontem (22) e o sepultamento será hoje (23) no cemitério Jardim da Paz.
O marco da chegada da empresa se deu por volta da década de 80, quando Sr. Everardo e família chegaram na capital maranhense e logo iniciaram as operações na cidade. Só que antes, ainda não era Menino Jesus de Praga e sim Gertaxi. Com a saída de um dos irmãos da sociedade, houve a mudança de nome e aí sim, nascia a Menino Jesus de Praga.
Sua área de operação ficou concentrada mais na zona rural da capital, operando em linhas como: Tibiri, Santa Bárbara, Cajupe, São Cristóvão, Vila Esperança, Vila Itamar, São Raimundo e outros. O bairro do São Raimundo era seu carro-chefe na época, principalmente a linha 017 São Raimundo / Cohab que atualmente é a T065 São Raimundo / Band. Tribuzi.
O cuidado pela sua frota era impecável, mesmo com operações em vias difíceis principalmente na zona rural, o empresário sempre tentava manter uma boa conservação de sua frota e isso era notado nas ruas da Ilha. A primeira pintura da empresa foi a da Gertaxi, posteriormente alterada para o tradicional amarelo.
Alguns veículos chegaram a receber uma pintura laranja e outros, devido a compra de unidades da extinta Mip 2000, ficaram com uma padronização vermelha e amarela. Sua frota, com o surgimento da Nielson/Busscar ficou concentrada nos modelos das fabricantes, antes disso a empresa tinha em sua frota exemplares da Caio nos modelos Amélia e Gabriela.
Até o ano de 2008 a empresa era cliente fiel da Busscar, mas também trazendo algumas unidades do Torino GV da Marcopolo, do Svelto da Comil e do Citmax da Ciferal. Com a crise que se instaurou na Busscar, as compras tiveram que seguir outro rumo, primeiro com a Neobus e depois com a Mascarello, no qual foi cliente fiel até 2015. Com o lançamento do primeiro chassi da Volkswagen na década de 90, a Menino Jesus de Praga passa a ser cliente fiel da marca. Todos os ônibus novos adquiridos de 1993 pra frente só vinham com chassi da Volks. Uma curiosidade sobre o proprietário era o emplacamento de seus veículos com terminação 7 ou 77.
Sr. Everardo chegou a ter uma frota com mais de 50 veículos, devido seu crescimento em sua área de atuação, além de receber novas linhas no decorrer da trajetória da MJP. Lamentamos o seu falecimento e que Deus conforte a família e amigos neste momento difícil.

Fonte: SportbuS Maranhão

Postar um comentário

4 Comentários

  1. minha infância e adolescência foi marcada pela menino Jesus de Praga,
    onde tinha prazer em andar nos ônibus da empresa com seus roncos lindos
    e motoristas exemplares, era muito bom pena q umas das melhores empresa de ônibus de são luís na minha opinião não faz parte do novo sistema de licitação,

    meus sentimentos a família e parabéns pelo seu grande trabalho.

    ResponderExcluir
  2. MJP foi uma grande empresa que teve aqui pela ilha. Se alguém tava atrasado, era só pegar um busão deles que ainda se chegava antes da hora KKK.

    E por ironia do destino, o dono vai com 77 anos.

    Minhas condolências para a família e agradecimentos pelo empenho deste senhor quando estava em vida, pela região do S. Raimundo e BR.

    ResponderExcluir
  3. Trabalhei por 9 anos na empresa MJP foi meu primeiro emprego agradeço muito pela oportunidade pois foi através dela que comprei minha casa e realizei meu grande sonho de mi casa que Deus coloque ele em um bom lugar no céu meus sentimentos pra toda família

    ResponderExcluir
  4. Alguém sabe informar qual foi o motivo do seu falecimento

    ResponderExcluir