Novo modelo de transporte inicia hoje na Ilha

Inicia hoje (5) um projeto desenvolvido pela Prefeitura de São Luís através da SMTT chamado Rapidão São Luís, onde conta com linhas que farão percursos mais rápidos, com menos paradas e principalmente, fazendo interligações entre os terminais de integração de São Luís.
O projeto envolve somente ônibus do tipo articulado e inicialmente, engloba 4 linhas, onde 3 já estão em operação e a última ainda está em desenvolvimento e iniciará em breve. Além disso, os veículos também estarão fazendo a integração temporal (bilhete único) na forma troncal, com até 2 horas de duração no mesmo sentido e 1 hora em sentidos opostos.
Confira abaixo as linhas que iniciam hoje e outros detalhes.

T430 T. Distrito Industrial / T. Praia Grande via Rodoviária - contará com 2 veículos inicialmente com operação pelo Consórcio Central

IDA: T. Distrito Industrial, BR-135, Av. dos Franceses, Av. Getúlio Vargas, Rua Oswaldo Cruz, Av. Silva Maia, Rua Rio Branco, Rua Barão de Itapary, Av. Beira Mar, T. Praia Grande.
VOLTA: T. Praia Grande, Av. Sen. Vitorino Freire, Av. dos Africanos, Av. dos Franceses, BR-135, T. Distrito Industrial.

PONTOS DE PARADA (IDA): T. Distrito Industrial, CD Mateus, Oleama, Rua do Matadouro, Entrada da Vila Itamar, Detran, Igreja Monte Castelo, Praça Deodoro, Term. Praia Grande.

PONTOS DE PARADA (VOLTA): Term. Praia Grande, Fundação Bradesco, Vila Itamar, Rua da Bomba, T. Distrito Industrial.

T440 Term. Cohab / T. Praia Grande via Via Expressa (inativa)

IDA: Term. Cohab, Av. Jerônimo de Albuquerque, Term. Cohama, Av. Daniel de La Touche, Via Expressa (MA-207), Av. Carlos Cunha, Ponte Bandeira Tribuzi, Av. Beira Mar, T. Praia Grande.
VOLTA: T. Praia Grande, Av. Sen. Vitorino Freire, Rua das Cajazeiras, Av. Sen. João Pedro, Rua Oswaldo Cruz, Travessa do Galpão, Rua Celso Magalhães, Ponte Bandeira Tribuzi, Av. Carlos Cunha, Via Expressa (MA-207), Av. Daniel de La Touche, Av. Jerônimo de Albuquerque, Term. Cohab.

T450 Term. Cohama / T. Praia Grande via Holandeses - Contará com 2 veículos inicialmente com operação pela Viação Primor

IDA: Term. Cohama, Av. Daniel de La Touche, Av. dos Holandeses, Av. Castelo Branco, Ponte Jose Sarney, Av. Beira Mar, T. Praia Grande.
VOLTA: T. Praia Grande, Av. Sen. Vitorino Freire, Rua das Cajazeiras, Av. Sen. João Pedro, Av. Venceslau Braz, Av. Camboa, Ponte Bandeira Tribuzi, Av. Carlos Cunha, Av. Holandeses, Av. Daniel de La Touche, Term. Cohama.

PONTOS DE PARADA (IDA): Term. Cohama, Rotatória do Caolho, Windows Mall, Entrada Litorânea, Farol da Ilha, Extrafarma, Igreja do São Francisco, T. Praia Grande.

PONTOS DE PARADA (VOLTA): T. Praia Grande, Shopping São Luís, Rotatória PM, Shopping do Automóvel, Barramar, Pizza One. Term. Cohama.

T460 T. São Cristóvão / T. Praia Grande via São Francisco - Contará com 2 veículos inicialmente com operação pelo Consórcio Upaon-Açú (Viper e Planeta)

IDA: T. São Cristóvão, Av. Lourenço Vieira da Silva, Av. Guajajaras, Av. Jerônimo de Albuquerque, Term. Cohab, Av. Jerônimo de Albuquerque, Term. Cohama, Av. Jerônimo de Albuquerque, Av. Colares Moreira, Av. Castelo Branco, Ponte Jose Sarney, T. Praia Grande.
VOLTA: T. Praia Grande, Av. Sen. Vitorino Freire, Rua das Cajazeiras, Av. Sen. João Pedro, Av. Getúlio Vargas, Av. dos Franceses, Av. Guajajaras, Av. Miguel Vieira, Rua Conego Ribamar Carvalho, Rua 10, Trav. Nova Jerusalém, T. São Cristóvão.

PONTOS DE PARADA (IDA): T. São Cristóvão, Paulo VI, Term. Cohab, Hosp. São Domingos, Term. Cohama, Jardins, Shopping Tropical, Igreja do São Francisco, T. Praia Grande.

PONTOS DE PARADA (VOLTA): T. Praia Grande, Socorrão I, Igreja do Monte Castelo, Detran, Rodoviária, Shopping Marajó, T. São Cristóvão.

Segundo a SMTT, cada linha contará com 3 viagens pela manhã e 3 pela tarde, trazendo uma maior mobilidade aos usuários com essas interligações, como exemplo quem sai do Terminal São Cristóvão e queira ir para a região do Calhau, onde pega a linha T460 e chegando na Cohama, de prontidão já estará a espera o veículo que seguirá para o Calhau e outros locais daquela região. Um layout foi feito para identificar o serviço, conforme imagem abaixo.
Vale ressaltar que esse é um modelo que seria posto em prática no ano de 2002 com o projeto do sistema tronco-alimentado, onde linhas alimentadoras iriam até os terminais de integração e veículos seguiriam dos terminais para várias localidades da cidade como linhas troncais e que provavelmente seriam atendidos por articulados.

Por fim, cada linha conta com paradas seletivas onde foram especificadas no mapa e no texto logo depois de cada trajeto, onde a ideia é que os ônibus parem somente nessas paradas além dos terminais para embarque e desembarque de passageiros. 

Fonte: SportbuS Maranhão / SMTT

Postar um comentário

18 Comentários

  1. Agora é torcer pra não ficar igual o Expresso Metropolitano

    ResponderExcluir
  2. Torcendo pra dá certo e que possa ter mais ônibus nessas linhas

    ResponderExcluir
  3. Bem vamos lá
    Um tal de expresso metropolitano ia sera mesma coisa e tinha umas placas de sinalização mais como sempre em Slz nada funciona abandonaram e esse aí se não tiver uma sinalização pode ter certeza que vai ter muita confusão pq Ooo povo pra ser mau educado esse nosso

    ResponderExcluir
  4. Olha desculpa não é querer pensar negativo mais acho difícil isso dar certo, primeiro pra realmente dar certo o mais correto a se fazer seria corredores exclusivos de ônibus isso sim faria jus ao nome RAPIDÃO SÃO LUIS. Agora uma cidade como a nossa em que o trânsito é um inferno principalmente nessa avenida Jerônimo de Albuquerque que qualquer coisa tem longos engarrafamentos é difícil mais muito difícil que isso venha a dar certo. E pelo que estou vendo aquela promessa de governo do Eduardo Braide de fazer novos terminais com corredores exclusivos para ônibus onde os mesmos sairiam dos bairros direto para os terminais vai ficar só no papel né Sr Braide no lugar vc joga isso. Triste mais fazer o que São Luis sendo São Luis.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Correto. Pra torna-lo ainda um pouco melhor operacionalmente, é reativar o corredor nos pontis onde é possivel isso. E tambem não se dobrar aos intransigentes, que querem descer do ônibus na porta de casa, ou do serviço, só por comodidade.

      Excluir
  5. Vejo que tão fazendo como teste, mas a ideia inicial seria essa mesma: linhas dos bairros só até o terminal e dos terminais pra outras regiões, melhora o trânsito e traz mais agilidade. Tomara que sigam investindo nessa ideia, reformulando esse sistema e fazendo corredores pra justamente ser rápido o transporte

    ResponderExcluir
  6. Vejo que tão fazendo como teste, mas a ideia inicial seria essa mesma: linhas dos bairros só até o terminal e dos terminais pra outras regiões, melhora o trânsito e traz mais agilidade. Tomara que sigam investindo nessa ideia, reformulando esse sistema e fazendo corredores pra justamente ser rápido o transporte

    ResponderExcluir
  7. Aqui em Goiânia funciona assim: os ônibus não tem ponto final em setor algum no caso aqui é setor (não existe bairro), eles tem o ponto final no terminal, e como se fosse uma espécie de alimentadora e existe as linhas do terminal para o centro então você provavelmente que mora em Goiânia vai pegar dois ônibus até chegar no centro existe as linhas expresso que nem agora tá existindo aí em São Luís, que só que funcionam pela manhã e tarde em horário de pico. Aqui existem dois sistemas o transporte público normal de passageiros de bairro a terminal, e existe uma espécie de eixo Anhanguera que vai do terminal padre Pelágio até o terminal novo mundo e corta a cidade Leste a oeste e São só ônibus articulado e eles tem uma via exclusiva para eles. Mas não se engane aqui o sistema de ônibus é muito antigo 90% dos ônibus São Apache VIP ll no caso são antigos e não existe ônibus com ar-condicionado. E a passagem é cara quase r$ 5.

    ResponderExcluir
  8. Bom, a minha opinião é a seguinte: para que esse projeto venha de fato funcionar, tem que resolver a demanda interna nos bairros. Muitas pessoas se locomovem de um bairro pra outro, sem precisar passar pelas grandes avenidas da Ilha. Então é necessário um reordenamento, com alteração de itinerários de linhas, fazendo que uma linha possa entrar em outros bairros até chegar no terminal. Em paralelo, é necessário ampla divulgação de como o serviço vai funcionar e informações claras acerca do pontos de paradas. Sugiro instalação de placas de pontos de paradas e também que assim que chegasse próximo ao ponto de parada tanto na ida quando da volta pudesse ser avisado aos passageiros para que os mesmos se familiarizassem. Caso aconteça isso, o Rapidão São Luís tem mais sucesso pra se tornar definitivo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você quer dizer tipo uma linha interbairros

      Excluir
    2. Sim, divulgação é essencial para essas situações, as vezes, algumas linhas não funcionam tão bem mais por conta de pouca divulgação.
      Sempre pensei tbm nessa possibilidade de linhas interbairros, a maioria, se não todas só dão prioridade para as vias principais da cidade, sendo necessário pegar-se mais ônibus para ir de um bairro a outro, e as vezes nem é tão longe.

      Excluir
    3. Aqui na área já foi feito tipo um interbairros mais como vcs falaram não foi divulgado como deveria logo foi instinto o serviço.

      Excluir
  9. Respostas
    1. Acho que é pq ainda está em estudo, visto que ela explora uma rota que não é comum entre as linhas de ônibus, pela Via Expressa.

      Excluir
    2. Como falado, ainda está em estudo e os veículos do Via SL ainda estão sendo preparados para poderem iniciar operações.

      Excluir
  10. Em relação a T430, acho que deveria ter uma parada na Rodoviária tbm, ou talvez tenha, só se esqueceram de colocar, não sei.

    ResponderExcluir
  11. Eu vejo que poderia haver uma linha partindo do terminal da cohab ou do sao Cristóvão e fosse direto pela avenida do turu, passando no retorno do olho d'água e i do para o terminal da praia grande. Com paradas no shopping Rio anil, cheiro verde, bom preço, hospital do senprvidor, retorno da PM e terminal da praia Grande.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, essa é uma boa, ao meu ver ela nem precisaria ir no terminal da Praia Grande, com a rota saindo do retorno do Olho d'água, poderia seguir para a extensão da Litorânea e passar na praia, voltando pela Holandeses até o retorno do Olho d'água novamente, e seguindo normalmente a rota, seria uma linha interessante e que levaria diretamente as pessoas que precisam se deslocar dos Terminais São Cristóvão e Cohab para a Litorânea e Holandeses.

      Excluir