Como Seria: T3 - Terminal Cohatrac

Hoje daremos continuidade a série Como Seria, que trata sobre como seria o nosso transporte na capital maranhense antes da existência dos Consórcios pelo Sistema Integrado de Transporte - SIT, onde iremos abordar sobre o T3 - Terminal Cohatrac.
Em 2002, foi feito um estudo e consequentemente um manual sobre o novo sistema de transporte urbano da capital maranhense, pela Prefeitura de São Luís junto com a SEMTUR na época, o manual contém várias informações acerca das linhas e terminais que viriam a existir, além das racionalizações e itinerários de cada linha.

Os terminais de integração ficariam conhecidos pelo mesmo sistema que hoje abrange a capital amazonense, configurado da seguinte forma:

T1 - Terminal Praia Grande
T2 - Terminal Cohama
T3 - Terminal Cohatrac
T4 - Terminal São Cristóvão
T5 - Terminal Distrito Industrial

Nas próximas semanas abordaremos um pouco de como seria a configuração de linhas para o T3, deixando o Terminal Praia Grande por último. O Terminal Cohatrac seria construído em um outro local, onde funcionam barracas de lanches na Av. 05 do Cohatrac e iria possuir 14 linhas, sendo 08 alimentadoras e 06 troncais. Logo abaixo você confere as linhas do Terminal.

A381 Cohatrac IV / T. Cohatrac
A382 Cohatrac II e III / T. Cohatrac
A383 Cohatrac I / T. Cohatrac
A384 Primavera / T. Cohatrac
A385 Jardim das Margaridas / T. Cohatrac
A386 Bom Jardim Turu / T. Cohatrac
A387 Vila Isabel Cafeteira / T. Cohatrac
A388 Maiobinha / T. Cohatrac
T301 T. Cohatrac / T. Praia Grande via João Paulo
T302 T. Cohatrac / Deodoro / Rua do Passeio
T303 T. Cohatrac / T. Praia Grande via Rodoviária
T304 T. Cohatrac / T. Praia Grande via São Francisco
T305 T. Cohatrac / T. Praia Grande via Bandeira Tribuzi
T306 T. Cohatrac / João Paulo / Rua do Passeio

Fazendo uma breve análise neste primeiro momento, podemos perceber que o sistema sim, obedeceria ao que se diz em relação a troncal, alimentador, circular e remanescentes, configurando-se em um verdadeiro sistema tronco-alimentado e não o que se observa hoje que foge um pouco ao que se explica em um decreto datado de 2002
Por fim, estaremos mostrando cada linha que se encontram aqui, mostrando seus itinerários e como estariam configuradas e assim que encerrar, partiremos para o T4, acompanhem conosco e veja como seria o nosso sistema de transporte.

Fonte: SportbuS Maranhão / SMTT

Postar um comentário

2 Comentários

  1. Eu fico me perguntado como são escolhido os numeros das linhas??? Tipo T056, C405, A711, 902

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acompanhe a série Conhecendo o Sistema, procure por essa TAG em nosso site e fique por dentro do assunto.

      Excluir