Linhas da Grande Ilha sofrem alterações

Com a quarentena decretada pelo governo do Estado desde o mês de Março, algumas linhas da Grande Ilha vem passando por alterações que foram se intensificando no mês de Abril, devido a queda no número de passageiros. Confira conosco como está atualmente a operação.
No sistema urbano as linhas 202 Caratatiua, 203 Bairro de Fátima, A321 Sá Viana / Terminal, A342 Quebra Pote / Terminal, T305 Campus / Deodoro, A559 Divinéia / Terminal, 606 Coheb / Fé em Deus e T425 Olho D'Água / Corujão contam com atendimento suspenso.
Já no sistema semiurbano as linhas A971 Sitío Natureza / Terminal, T098 Bom Jardim / Rodoviária, T970 Maiobão / João Paulo, T980 Maiobão / São Francisco, A983 Boa Viagem / Terminal, A586 Parque Araçagy / T. Cohama, A955 Cidade Verde / T. Cohama, A953 Cidade Verde / T. São Cristóvão, A957 Iguaíba / T. Cohama, A975 Iguaíba / T. Cohab, A992 Eugênio Pereira / Terminal, A993 Upaon-Açú / Terminal e A994 Lima Verde tiveram seus atendimentos suspensos.
Em contrapartida, as linhas T974 Vila Cafeteira / João Paulo e T984 Paranã / São Francisco passaram a dar suporte as linhas do Maiobão, onde principalmente a Taguatur aumentou a frota da T974 para o atendimento aos passageiros da região.
Já a linha T415 Vicente Fialho / Corujão está dando suporte a linha T425, realizando o atendimento nos bairros Olho D'Água, Sol e Mar e Habitacional Turu, retornando pelo Aririzal para o Terminal Cohama. As demais linhas encontram-se com operação reduzida, em sua maioria utilizando os horários de domingo.
E por fim, foi anunciado pelo SET e STTREMA a redução da jornada de trabalho para motoristas e cobradores, o que consequentemente acarretará na redução dos salários, onde cada trabalhador irá cumprir só 66 horas mensais, correspondendo a 30% da jornada e o restante será compensado pelo Governo Federal, sendo mantido os benefícios como plano de saúde e ticket alimentação. Em relação ao ticket, o valor contabilizado será somente aos dias trabalhados. 
A medida foi imposta pelo presidente Jair Bolsonaro no início do mês, onde decretou essa opção para as empresas, a fim de amenizar uma demissão em massa.

Fonte: SportbuS Maranhão

Postar um comentário

1 Comentários