Veículos 2009 do Consórcio Via SL

Após apresentar os veículos que completam 10 anos este ano pelo Consórcio Central, divulgaremos como está o Consórcio Via SL no que tange a veículos que em 2019 completarão 10 anos e deverão sair do sistema.

Ao todo são 67 ônibus que devem ser desativados, sendo 51 unidades do modelo Gran Midi da fabricante Mascarello montados sobre chassis Volkswagen 17-230 EOD e que operam com os prefixos 200.035, 200.045, 200.046. 200.094 ao 200.109, 200.111, 200.112, 200.231 ao 200.260.
Os outros 16 ônibus são do modelo Torino G6 da fabricante Marcopolo, montados sobre chassis Volkswagen 17-230 EOD e que operam com os prefixos 200.602, 200.603, 200.605, 200.607, 200.609 ao 200.611, 200.614 ao 200.619, 200.621, 200.622 e 200.626.
Fonte: SportbuS Maranhão

Postar um comentário

18 Comentários

  1. queria ser uma mosca so pra saber com a empresa vai se virar pra renovar a frota se nem os pagamentos dos funcionários eles estão fazendo em dias

    ResponderExcluir
  2. acho que esses carros deverão ir para o semi urbano e os semi urbano devem vir para o consórcio.seja sera mais carro velho reformado kkk

    ResponderExcluir
  3. de acordo com o edital, até a metade do ano eles tem de sair!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eles saem de acordo com o seu mês de fabricação/operação.

      Excluir
    2. Daqui pra abril desse ano ou maio vão sair muito

      Excluir
  4. Queria entender pq a empresa não adquiriu mais Mascarello seria legal ver os novos Gran Via na empresa já que ela teve muito dos mesmos.

    ResponderExcluir
  5. Eu acho, não sei se estou certo, é SÓ uma idéia!
    Mas se eles não forem comprar ônibus novos, eles vão tirar os que rodam no PV, Alonso Costa, xacara Brasil... os neubrus de 2015, e trocar por esse que estão vencendo o ano de rodar no sistema urbano....
    Não sei se são suficientes os veículos pra preencher a retirada....
    É uma ideia que pode acontecer..." visto quer eles dizem que não tem condições nem de pagar os funcionários, que pra mim isso é mentira"....
    Se não tem condições de pagar os funcionários, entrega as linhas.....
    Mas isso eles não fazem pq dar dinheiro sim....

    ResponderExcluir
  6. O Consórcio fará primeiro aproveitar sua frota, remanejarão seus mega plus de 2015 que ainda operam no SU pra o consórcio pra cobrir a primeira parte que ficara vaga, mas assim ficará faltando veremos o que farão com restante, não dá pra cobrir todos que vão ser aposentados agora, veremos se vai adquirir carros novos em uma parte das vagas que ficará vaga, duvido muito que a SMTT abrirá exceção a ela para comprar carros seminovos, usados ou remanejar carros de outras filiais dentro do prazo de operação pra "salvar a empresa". Já fez muito isso com a Upaon-açu que deitou e rolou quando pode.
    Será a maior renovação dos consórcios nesse ano, já que foi a que menos investiu nos últimos anos.

    ResponderExcluir
  7. Ainda pode entrar seminovos no urbano, a smtt nao tinha dito no edital que 2018 seria o ultimo ano para isso

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é mais permitido a entrada de veículos seminovos no sistema urbano, somente novos para cumprimento do percentual de ar condicionado.

      Excluir
  8. Acho que a rei de França/1001 (consórcio via SL) não aguenta mais um ano

    ResponderExcluir
  9. 616, 617, 618, 622 e 626 todos rodaram na T084 ja... E garanto que rao melhorzinhos que os GranVia citados e inclusive melhores que outros como 390, 391, 355 e etc... Espero que a 1001 consiga renovar sua frota...

    ResponderExcluir
  10. Não estão pagando os funcionários para tentar levantar uma grana para poder compar novos carros. Ouvi dizer que eles compraram 40 veículos, também já ouviu que eram 50. Eles não estão pagando os funcionários porque não querem.

    ResponderExcluir
  11. É basicamente isso mesmo. Lembrem que no semi urbano possuem os neobus e alguns da mascarello mais novos. Ou pode ser que elas venham com uma nova aquisição para este ano.

    ResponderExcluir
  12. Sendo que esse consórcio será o que terá mais problemas nesse ano pra substituição, quando chegar as datas terão que ser aposentados e retirados de circulação porque não serão mais permitidos quando chegarem a idade limite, Ver o que farão já que não anda nada bem o grupo, se vai pedir ajuda da SMTT pra regularizar as substituições de forma mais amigável e aceitável pra situação específica dela, é uma indefinição o que ocorrerá nos próximos meses.

    ResponderExcluir