terça-feira, 17 de abril de 2018

TransPremium recolhe veículos do Consórcio Poty em Teresina

Desde a semana passada, os veículos da TransPremium em Teresina deixaram de circular pela cidade, mais precisamente na Zona Norte, devido a um descumprimento de acordo entre as empresas Emvipi e Piauiense com a Premium.
A TransPremium foi convidada a participar do Consórcio Poty e em contra-partida investiu na compra de 15 ônibus com ar condicionado, dando uma nova roupagem a operação da região, por ser os únicos veículos climatizados. 
Segundo informação da própria TransPremium, foram recolhidos os ônibus devido não obter o repasse financeiro das referidas empresas pela operação dos veículos desde fev/18. 
Com isto, mais vez a Zona Norte fica desassistida já que as empresas que hoje atuam no Poty (Emvipi e Piauiense) não possuem condições de adquirirem veículos do tipo. 
Na segunda (16/04), a linha 170 Jacinta Andrade / Poty Velho / Bela Vista passou a ser operada pela empresa Transcol, pertencente ao lote 4 e sendo a única empresa a operar sozinha em um lote, além disso houve uma extensão da linha até o Jacinta Andrade e a extinção da linha 105 Santa Maria / Monte Verde / Parque Alvorada via Av. Rui barbosa, ocasionado pela falta de veículos para suprir a demanda da zona. 
Os veículos da TransPremium encontram-se guardados em uma garagem na cidade, por enquanto não há definições do que pode acontecer. 
Fonte: SportbuS Piauí

3 comentários:

  1. A mesma coisa que aconteceu com os articulados aqui em janeiro desse ano, isso chega a ser uma regressão por se tratar de uma única empresa a ter ônibus com ar... Não duvido nada da empresa liberar os carros novamente devido a decisão da justiça

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As duas coisas são totalmente diferentes, sobre o que aconteceu com a TransPremium é totalmente diferente do que aconteceu aqui.

      Excluir
    2. Totalmente de diferente mesmo, aqui as empresas tiraram os articulados em janeiros por pura avacalhação, alegando custos, sendo que tiveram seu quarto reajuste na gestão Holandinha, sem contar o descumprimento de norma do edital sem qualquer punição.

      Excluir

Top 10 da semana SportbuS Maranhão